Curso de Tecnologia Mecânica - Processos de Soldagem.

VOLTAR

O tecnólogo em soldagem é um profissional que atua na área de engenharia de soldagem, assumindo cargos de liderança e desenvolvimento. Dentro de sua formação, esse profissional é preparado para dimensionar juntas soldadas baseando-se na resistência dos materiais, na relação custo-benefício e na produtividade. Está capacitado para estimar os custos totais da produção de um conjunto soldado, passando pela quantidade e custo dos consumíveis empregados, custo da mão-de-obra envolvida e qual o melhor processo a ser utilizado para garantir qualidade e produtividade. Elabora especificações para o procedimento de soldagem (EPS) e qualifica soldadores e processos de soldagem.



Além da parte de desenvolvimento, o tecnólogo em soldagem também está preparado para analisar os efeitos que os processos de soldagem têm sobre os materiais, com relação à resistência mecânica e microestrutura utilizando, para isso, diversos ensaios destrutivos (tração, impacto, dureza etc.) e não destrutivos (ultrasson, líquido penetrante, partículas magnéticas etc.), além dos ensaios metalográficos que revelam tanto os contornos da junta soldada (macrografia), quanto à microestrutura dos materiais (micrografia).


Durante a graduação, o aluno tem a chance de desenvolver pesquisas e participar eventos, como por exemplo, o Simpósio de Tecnologia que acontece anualmente na Fatec Pindamonhangaba. As imagens acima são do trabalho de graduação dos alunos Ricelmo Pena e Eula Soares Santos, ambos do 6º semestre. Ao final do curso, o aluno poderá prestar as provas de qualificação N1 e N2, exigidas pela Petrobrás para atuar nas atividades de inspeção, nas mesmas condições dos profissionais graduados em Engenharia Mecânica, Metalúgica ou com Especialização em Engenharia de Soldagem.









Depoimento do aluno Diego M. Silva da Fatec Pindamonhangaba.


A Fatec foi um "divisor de águas" para mim. Entrei na Fatec em 2011, no curso de Tecnólogo em Mecânica - Processos de Soldagem. Já trabalhava na área de soldagem como soldador e essa foi a oportunidade de unir a prática com a teoria. Tive muitos contratempos no decorrer do período da faculdade, porém com bastante persistência, resiliência e apoio dos professores, consegui superar os desafios. Através do conhecimento adquirido na Fatec, pude melhorar e ampliar meu horizonte. Tive oportunidade de desenvolver e apresentar trabalhos no CONSOLDA (Congresso Nacional de Soldagem) em Curitiba/PR e no CONEN (Congresso Nacional de Engenharia) em Uberlândia/MG. Devido ao meu empenho nos estudos e aplicação na prática daquilo que eu aprendia na faculdade, consegui ser promovido 2 vezes em menos de 3 anos, passando de soldador a técnico da qualidade e depois à supervisor de soldagem. Após o término do curso, fiz uma pós graduação em Gerenciamento de Projetos (MBA). Retornei à Fatec para o curso de Tecnologia em Processos Metalúrgicos, e tenho certeza de que isso vai alavancar ainda mais a minha carreira. A Fatec nos dá oportunidade de conhecer novas pessoas, trocar experiencias, desenvolver projetos e isso junto com a vontade de "querer fazer", nos desenvolve como alunos, profissionais e cidadãos. O melhor lugar é o lugar que nós fazemos... em outras escolas que visitei e estudei, nos congressos que pude participar a Fatec é bem falada e se destaca pela estrutura, qualidade dos curso e dos professores, cabe a nós alunos fazermos nossa parte, ter orgulho de estudar aqui e fazer daqui a melhor escola que já estudamos ou que outras pessoas irão estudar.


Cursos oferecidos na Faculdade de Tecnologia Pindamonhangaba.

Manutenção Industrial

40 vagas | Noturno

Processos Metalúrgicos

40 vagas | Noturno

Gestão Empresarial

40 vagas | EaD


Projetos Mecânicos

40 vagas | Matutino